Nome:
Localização: Lousã «-» Coimbra, Portugal

segunda-feira, outubro 08, 2007

Amanhã são três


Amanhã completas três anos de vida meu pequenino.
Ultrapassaste, ultrapassámos, muita coisa ao longo deste tempo.
Ultrapassámos o medo de teres nascido com 36 semanas de gestação.
A dificuldade na amamentação.
A dificuldade na expulsão do mecónio.
A prostração.
A recusa alimentar.
A regurgitação frequente.
O receio de teres problemas de visão.
A repetição do teste do pezinho.
A dificuldade em evacuar.
A entrada no infantário.
As febres.
O internamento, sem causa para as febres.
A administração de antibióticos de largo espectro, via endovenosa.
Descobriram o teu derrame pericárdico.
Chegar ao infantário e ver-te a chorar, sem colinho.
Novamente as febres.
Novo internamento.
Novamente o antibiótico sem se conhecer o foco infeccioso.
Passado 15 dias, novamente as febres e outro internamento.
Descobrem uma endocardite.
Tens uma válvula aórtica bicúspide e ficou danificada.
Ficaste com uma ligeira insuficiência aórtica.
Foste a uma consulta de desenvolvimento enquanto estiveste internado.
Foi diagnosticado um atraso no desenvolvimento psicomotor.
Foste para casa com o catéter na mão.
Andámos um mês a correr para o HP para levares a dose diária de antibióticos.
Retirámos-te do infantário e ficaste ao cuidado dos avós paternos.
Começaste a fisioterapia, a terapia ocupacional e a musicoterapia.
Tomaste Lasix durante dois anos, todos os dias.
Deixaste de o tomar porque o teu derrame é crónico, não se vai embora.
A ressonância magnética.
As consultas, muitas consultas.
Consultas de cardiologia, genética, desenvolvimento, gastro e cirurgia-gastro.
Tens um síndrome genético desconhecido.
O serviço de genética do HP ainda não conseguiu indentificá-lo.
Continuaste com as febres e as dificuldades em obrar.
Os Raio-X que fizeste.
Fazias cada distensão abdominal.
Foste internado por causa de uma distensão grave.
Fizeram-te uma biópsia ao intestino.
Foste para casa com o nosso compromisso de fazer lavagens ao intestino com a sonda diariamente.
Isto durou quatro meses enquanto esperávamos a tua vez para seres operado aos intestinos.
Diagnosticaram a doença de hirschprung.
Foste internado mais tarde com uma bronco-pneumonia.
O clister opaco.
Foste operado aos intestinos.
Resultou durante um mês.
Continuas com alguma dificuldade em evacuar.
Pelo menos já consegues expulsar os gases.
Foste a uma consulta de ORL.
Diagnosticaram surdez profunda no ouvido esquerdo e de moderado a severo no direito.
Arranjámos uns aparelhos auditivos.
Parece que tens outras reacções mas não as desejadas, ainda.
Foste submetido ao teste do sono.
Diagnosticaram apneias graves.
Estamos à espera da marcação da intervenção cirúrgica.
Vão te extrair as adenóides e as amígdalas.

Como vês, és um lutador e tens vontade de viver.
Nós temos estado cá por ti durante este tempo todo a manter-te vivo.
Agora apresentas uma certa estabilidade.
Descobri que muitas das tuas febres têm origem em infecções respiratórias.
Faz um ano que temos em casa um aspirador de secreções que não pára de trabalhar em momentos de crise.

Amanhã fazes anos e vais ingressar no infantário.
Vai começar uma nova etapa, mas o que é isso comparado com tudo isto que já passou?
Força pequenino, espero ver-te vencer novamente!

Etiquetas:

2 Deixe o seu comentário:

Anonymous HF said...

Parabéns pequenino pelos teu três anitos...o resumo destes três anos já a Mãe o fez muito bem por isso só me resta desejar que continues a lutar e a vencer como já nos tens demonstrado ao longo deste tempo. É bom ter-te aqui connosco, aprendemos a relativizar muita coisa e a valorizar muitas outras! Um beijão do Pai.

PS: Um bom primeiro dia de infantário! a tua mana está contente porque tu também vais para a escola.

outubro 09, 2007 10:22 da manhã  
Blogger paidopedro said...

realmente vocês são uns lutadores e tanto! e depois, isabel, tu contas as coisas com uma simplicidade que me toca profundamente. muita força, e que os próximos anos sejam de muitos sucessos.

beijos e abraços

outubro 27, 2007 2:48 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home